Guia de Saúde Mental no Trabalho

Guia de apoio em saúde mental: promovendo bem-estar psicossocial na sua organização

Elaboramos um guia integrado sobre saúde mental no contexto organizacional, com foco na prática, com base em materiais oficiais da Organização Mundial de Saúde (OMS), Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS), American Psychiatric
Association (APA) e Serviço Social da Indústria (SESI).

Esse conteúdo é dividido em 6 blocos:

  1. Como problemas na saúde mental afetam negativamente pessoas e negócios (e porque investir no cuidado dessa dimensão é um ganho para todos)
  2. O que é vulnerabilidade psicossocial e como ela se difere e se conecta aos transtornos mentais
  3. Quais são os vários fatores de risco à saúde mental que podem estar relacionados ao trabalho
  4. Por onde começar e como se orientar no caminho da transformação organizacional em saúde mental
  5. Como desenvolver uma organização e cultura psicossocialmente saudável através da implementação de estratégias integradas
  6. Como criar ou ampliar uma rede social e comunitária de apoio adaptando os PCP (Primeiros cuidados psicológicos) ao âmbito organizacional

1. Problemas na saúde mental afetam pessoas e negócios

Grande parte do nosso tempo é voltado ao trabalho. Assim, nossa experiência nele está entre as que determinam nossa qualidade de vida e bem-estar geral. Um ambiente/dinâmica de trabalho (seja presencial ou virtual) negativo, insatisfatório ou insuficiente pode levar a problemas na saúde mental das pessoas que o compõe – além das outras facetas que integram a saúde, também física e social, todas interconectadas. Empregadores e gestores que não olham e não cuidam dessa dimensão em suas pessoas também impossibilitam o crescimento sustentável – isto é, a longo prazo – do próprio negócio.

Existem muitas ações eficazes que sua organização pode adotar para promover a saúde mental. Com isso, favorecerá além da saúde, o bem-estar, a segurança e a qualidade de vida dos colaboradores – podendo repercutir positivamente em seus círculos e interações sociais –, tendo assim maior probabilidade de reduzir absenteísmo e rotatividade, aumentar engajamento e desempenho, além de se beneficiar dos ganhos econômicos associados, como veremos nos próximos itens desse Guia de Apoio!

Cadastre-se

Se inscreva para receber as novidades da Talent Academy em primeira mão diretamente em seu e-mail

Conheça a solução
Assessment do Propósito

Entenda a fundo o perfil comportamental do seu time e desvende todo o seu potencial com o único assessment do mercado inspirado no ikigai

Saiba mais

A solução completa para o sucesso de colaboradores e empresas

Plataforma digital: ferramentas inteligentes para toda a jornada do colaborador

Programas de desenvolvimento: abordagem consultiva especializada e personalizada

Saiba mais

Posts Relacionados

Propósito e motivação no trabalho | Talent Academy blog | Imagem: Freepik

Propósito no trabalho: como e por que motivar sua equipe através dele?

Propósito no trabalho: como e por que motivar sua equipe através dele? Quem nunca se…

Autonomia no trabalho é chave para motivação e sucesso | Blog da Talent Academy (Imagem: Freepik)

Autonomia no trabalho é chave para motivação e sucesso

Autonomia no trabalho é chave para motivação e sucesso Você sabia que a autonomia no…

O que é a motivação no trabalho? | talent academy blog

O que é a motivação no trabalho?

O que é a motivação no trabalho? Para entender sobre motivação no trabalho, precisamos começar…

Gen Z e competências: dados sobre soft skills em diferentes gerações

Pesquisa da Talent Academy indica que a Gen Z pontua menos para habilidades como flexibilidade…

Pronto(a) para transformar a gestão de pessoas na sua organização?

Guia de Saúde Mental no Trabalho

[Guia de apoio] em saúde mental: promovendo bem-estar psicossocial na sua organização

Guia de apoio em saúde mental: promovendo bem-estar psicossocial na sua organização

Elaboramos um guia integrado sobre saúde mental no contexto organizacional, com foco na prática, com base em materiais oficiais da Organização Mundial de Saúde (OMS), Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS), American Psychiatric
Association (APA) e Serviço Social da Indústria (SESI).

Esse conteúdo é dividido em 6 blocos:

  1. Como problemas na saúde mental afetam negativamente pessoas e negócios (e porque investir no cuidado dessa dimensão é um ganho para todos)
  2. O que é vulnerabilidade psicossocial e como ela se difere e se conecta aos transtornos mentais
  3. Quais são os vários fatores de risco à saúde mental que podem estar relacionados ao trabalho
  4. Por onde começar e como se orientar no caminho da transformação organizacional em saúde mental
  5. Como desenvolver uma organização e cultura psicossocialmente saudável através da implementação de estratégias integradas
  6. Como criar ou ampliar uma rede social e comunitária de apoio adaptando os PCP (Primeiros cuidados psicológicos) ao âmbito organizacional

1. Problemas na saúde mental afetam pessoas e negócios

Grande parte do nosso tempo é voltado ao trabalho. Assim, nossa experiência nele está entre as que determinam nossa qualidade de vida e bem-estar geral. Um ambiente/dinâmica de trabalho (seja presencial ou virtual) negativo, insatisfatório ou insuficiente pode levar a problemas na saúde mental das pessoas que o compõe – além das outras facetas que integram a saúde, também física e social, todas interconectadas. Empregadores e gestores que não olham e não cuidam dessa dimensão em suas pessoas também impossibilitam o crescimento sustentável – isto é, a longo prazo – do próprio negócio.

Existem muitas ações eficazes que sua organização pode adotar para promover a saúde mental. Com isso, favorecerá além da saúde, o bem-estar, a segurança e a qualidade de vida dos colaboradores – podendo repercutir positivamente em seus círculos e interações sociais –, tendo assim maior probabilidade de reduzir absenteísmo e rotatividade, aumentar engajamento e desempenho, além de se beneficiar dos ganhos econômicos associados, como veremos nos próximos itens desse Guia de Apoio!